Istambul: o que e onde comer

A culinária típica turca tem muitos ingredientes em comum com as culinárias árabe e grega.

Uma refeição começa com as mezeler (entradas). Homus, tahine, babaghanoush, uma salada parecida com tabule, iogurte com hortelã e pão assado na hora. O prato principal é o kebab, dos mais variados tipos de carne. Se você procura algo assim, tente o Yüzevler Adana Kebap (pouco turístico e sem cardápio em inglês, mas os garçons conseguem nos entender).

Outra iguaria é o arroz pilaf, refogado com bastante óleo. O mantı (escrevi sobre ele aqui), o purê de berinjela e a sopa de lentilha – com muito limão siciliano – também merecem ser experimentados.

Como sobremesa, muitos doces à base de mel, nozes e pistache. O baklava, sem dúvidas, é o mais famoso. Um dos melhores que eu comi foi na Koska (na Istilklal há duas lojas), mas todo baklava é bom se estiver fresquinho. Caso contrário, a yufka (a massa folheada) fica borrachuda e o mel escorre.

As balas de goma – conhecidas como lokum ou “turkish delight” – são famosas. Eu detestei as balas com sabor de rosas, mas as de frutas são boas. O sütlaç é parecido com o arroz doce brasileiro, bem cremoso. Há também variações de pudins, colorindo as vitrines.

E é quase impossível vir à Turquia e não tomar o türk çay, servido em pequenos copos de vidro. O chá é o substituto do cafézinho brasileiro após as refeições e também um gesto de cordialidade. Com folhas de menta fica ainda melhor.

O meu preferido é o chá de maçã (ou elma çay). É tão bom que troquei o café com leite de manhã por chá.

RESTAURANTES

Não faltam opções de restaurantes em Istambul, como toda metrópole.

Se quiser jantar com vista para a Mesquita Azul e a Hagia Sophia e não quiser desembolsar muito dinheiro, considere o Armada Terrace. A comida não é sofisticada, mas o ambiente é ótimo, principalmente no verão (rende fotos lindas). Para um jantar elaborado, recomendo o restaurante St. Sophia Terrace no Four Seasons.

Um bairro legal para comer bem é Nişantaşı. Os bares e restaurantes na Atiye Sokak (calçadão) agradam todos os gostos. O The House Cafe é perfeito para um almoço tranquilo (há filiais na Taksim, Istiklal, Etiler, nos shoppings) e o Elio é uma delícia.

O Günaydin Steak House também merece destaque. O “Günaydin Burger”, os cortes de carnes e acompanhamentos são ótimos. Experimente a saladinha (com queijo feta e balsâmico) e as batatas fritas.

Para um lanche, café ou sorvete, procure o Mado (há vários espalhados pela cidade). E o Big Chefs oferece sanduíches, massas, pizzas, comida mexicana. Apenas o mantı deixou a desejar.

BARES

A Turquia é um país de maioria muçulmana, mas isso não impede a comercialização de bebidas alcoólicas por todos os cantos, nem a existência de baladas.

O club 360Istanbul fica na cobertura de um prédio na Istiklal. Desistimos de jantar após lermos reclamações sobre a má qualidade do serviço e dos pratos. Mas como bar e balada – após às 23h – vale a pena. Para jantar é preciso reservar com antecedência. Para o club, basta estar arrumado.

Está a fim de uma balada eletrônica? Vá ao Club Reina. DJ’s famosos, celebridades e agito na beira do Bosphorus.

Outro lugar interessante é o Kuruçeşme Kahvesi. É um café com cara de bar, pois está sempre cheio e animado por causa da música. Grupos se reúnem para jogos de tabuleiro, fumar narguile, tomar uns drinks. A cozinha também não decepciona.

Comentários:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s